O que te inspira é o que te move, o que te move é sua vontade, sua sabedoria, seus medos, sua lógica. Mas se pararmos pra pensar na lógica das coisas perderíamos tempo e a vida é curta. Então se joga, sem medo.
love
Let it be
let it go
next »
theme by babi ©
base by criminalsmaps (mine)
don't copy
Daylight

Daylight



"Living in ruins of the palace within my dreams" 🎶

"Living in ruins of the palace within my dreams" 🎶





2 weeks ago, 576,124 notes - reblog this
via ccafetinasummer-wonders)




1 month ago, 3,880 notes - reblog this
via ccafetinapaznativa)




1 month ago, 2,420 notes - reblog this
via ccafetinaceudeluar)


retrovisor-soluvel:

beocio:

5:00 horas da manhã e eu estou aqui no parque pensando em você sem parar.

meia noite e eu estou aqui em casa pensando em você sem parar.

retrovisor-soluvel:

beocio:

5:00 horas da manhã e eu estou aqui no parque pensando em você sem parar.

meia noite e eu estou aqui em casa pensando em você sem parar.





E se alimentar de poesia, mãe, isso dá? Me vê um conselho, me mostra uma luz. Eu tenho estado perdida, distante, esquecida. Faz tempos que não me encontro em lugar nenhum, então tento fugir, me esconder em algum lugar. Tenho buscado suprir a fome da minha alma. Posso comer poesia? Sim mãe, poetas são suicidas em potencial, mas eu tracei meu suicídio desde que a poesia me tocou pela primeira vez, então eu me imaginei voando de um prédio com minhas asas cortadas umas centenas de vezes. Imaginei meus pés quebrados tocando o chão, e meu corpo rasgando ao cair, e me senti mais viva do que nunca. E isso cabe dentro de uma poesia. Eu quero que o amor seja escrito assim, porque até o ar fica mais leve quando uma música toca. E porque a minha alma grita o dia inteiro, e quando eu deixo que almas e mais almas fluam de dentro de mim, eu suicido meus medos internos, eu voo de prédios imaginários. Mas continuo estando perdida no meio do caminho. Poesia pode ser o ar que eu respiro? E pode ser a substância que alimenta o meu corpo? Pode ser o sangue que corre nas veias? Pode ser a estrela mais brilhante do meu céu? Pode ser água que corre na garganta pra saciar a sede? Pode levar abrigo às crianças cansadas da guerra na Palestina? Pode suprir as minhas faltas, e as faltas do mundo inteiro? Pode preencher vazios? E ser o abrigo de quem não tem casa?
Thais. (via oxigenio-dapalavra)


Eu costumava conversar a sós com você depois que você partiu. Eu costumava falar com você o tempo todo, mesmo estando sozinha. Conversei com você por meses a fio. Agora, não sei o que dizer. Era mais fácil quando eu apenas o imaginava. Eu até imaginava que você me respondia. Tínhamos longas conversas. Só nós dois. Era como se você realmente estivesse comigo. Eu o via, sentia seu cheiro. Eu podia ouvir sua voz. Às vezes, sua voz me acordava. Acordava-me no meio da noite, como se você estivesse no quarto comigo. Depois, isso foi lentamente acabando. Já não podia mais imaginar você. Tentei falar em voz alta com você, como sempre fazia, mas não havia nada lá. Já não podia mais ouvi-lo. Então, eu apenas desisti. Tudo acabou. E você simplesmente desapareceu.
— Paris, Texas (Wim Wenders)


http://ruasincertas.tumblr.com/post/92196042289/se-a-inquietude-do-sentir-roubar-a-minha-alma-eu 

ruasincertas:

"Se a inquietude do sentir roubar a minha alma, eu não vou fugir. Eu vou ficar entregue, vendo meu coração explodir. Não mandarei cartas pedindo ajuda, ou dizendo que sinto tua falta. Se meu coração for engolido pelo universo, e depois cuspido fora, eu não vou cobrar das estrelas um novo lar. Eu…